Website da Associação Dentária Britânica atingida por ataque cibernético

Search Dental Tribune

Website da Associação Dentária Britânica atingida por ataque cibernético

E-Newsletter

The latest news in dentistry free of charge.

  • This field is for validation purposes and should be left unchanged.
O website da Associação Dentária Britânica está atualmente offline como resultado de um ataque cibernético. A organização afirmou que ainda não está claro qual foi o motivo e quais informações foram especificamente comprometidas pela violação. (Imagem: Syda Productions/Shutterstock)
Brendan Day, DTI

By Brendan Day, DTI

sex. 21 agosto 2020

save

LONDRES, Reino Unido: A Associação Dentária Britânica (BDA-sigla em inglês) retirou temporariamente o seu website do ar em consequência do que o sindicato descreveu como “um ataque cibernético sofisticado”. O ataque ao website ocorreu em 30 de julho, e a BDA ainda está investigando o motivo, juntamente com as informações que os hackers conseguiram obter.

“Temos trabalhado arduamente, junto com vários especialistas terceirizados, incluindo especialistas forenses de TI, para determinar a natureza da atividade criminosa”, disse um porta-voz da BDA ao Dental Tribune International (DTI). “No momento, não sabemos quais informações podem ter sido comprometidas, mas estamos trabalhando para concluir as investigações o mais rápido possível.”

Em uma mensagem postada na página inicial de seu website, a BDA afirma que estabeleceu contato com todos os membros cujas informações privadas possam ter sido comprometidas. Embora a organização ainda esteja investigando quais dados especificamente foram extraídos, ela mencionou em um e-mail para membros da BDA que “registros de correspondência e notas de casos” provavelmente foram acessados. Um porta-voz disse à BBC que essas notas estavam relacionadas a indenizações de seguros, embora a BDA não mantenha arquivos completos de pacientes odontológicos.

Ataques cibernéticos em alta

Jamal Ahmed, CEO da Kazient Privacy Experts, disse ao DTI que o ataque foi o mais recente em uma série de hacks que ocorreram este ano no Reino Unido. “Nos últimos meses, vimos mais de 150 organizações em todo o Reino Unido serem vítimas de ataques cibernéticos, incluindo escolas, o National Trust e, agora, a BDA”, disse ele.

Ahmed disse que os riscos de uma violação de dados incluem roubo de identidade e ataques de phishing para obter mais informações e que os profissionais da área odontológica devem, no mínimo, cancelar e substituir seus cartões de débito e crédito imediatamente, bem como monitorar seus arquivos de crédito em busca de informações não familiares e atividade suspeita. Ele acrescentou que, embora o aumento nos ataques cibernéticos "não esteja especificamente relacionado" à pandemia em andamento de SARS-CoV-2, o surto do vírus significa que "menos pessoas estão no escritório e, portanto, um ataque a esses tipos de sistemas pode ser menos provável de serem notados imediatamente”.

A segurança cibernética é um ponto de preocupação crescente

Conforme descrito em uma matéria publicada pela DTI no mês passado, agências de inteligência no Reino Unido e nos EUA, juntamente com executivos de muitos hospitais e centros de pesquisa, alertaram que houve um aumento acentuado nos ataques cibernéticos concentrados na indústria da saúde desde o início da pandemia.

Os consultórios odontológicos são um alvo popular para os cibercriminosos, uma vez que seus bancos de dados geralmente contêm uma grande quantidade de informações altamente confidenciais do paciente, incluindo nomes, históricos de saúde e até mesmo detalhes de contas bancárias. Muitas vezes, essas informações podem ser altamente valiosas para aqueles que as roubam, embora as regulamentações de proteção de dados signifiquem que existem regras rígidas sobre como os registros dos pacientes, por exemplo, são armazenados.

BDA disponível para responder a perguntas

Na nota em sua página, a BDA forneceu os endereços de e-mail e números de telefone relevantes, por meio dos quais é capaz de fornecer suporte inicial aos membros em relação a consultas regulares.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

advertisement
advertisement