Relatório lança luz sobre o futuro odontológico dos EUA

Search Dental Tribune

Relatório lança luz sobre o futuro odontológico dos EUA

E-Newsletter

The latest news in dentistry free of charge.

  • This field is for validation purposes and should be left unchanged.
O número de estudantes de odontologia do sexo feminino nos Estados Unidos tem aumentado continuamente desde 2010. (Foto: djordjevla/Shutterstock)
Dental Tribune International

By Dental Tribune International

seg. 25 janeiro 2016

save

WASHINGTON, EUA: De acordo com um relatório recentemente publicado, o número de estudantes do primeiro ano de odontologia nos Estados Unidos tem aumentado continuamente ao longo dos últimos cinco anos. Em especial, mostra que o número de estudantes do sexo feminino aumentou significativamente. Agora elas representam quase metade de todos os inscritos e matriculados. O dado fornece um primeiro olhar sobre a composição da futura força odontológica nos EUA.

Para o relatório, pesquisadores da Universidade da Virgínia estudaram os dados de inscrições e matrículas de 65 faculdades de odontologia dos EUA, coletados anualmente pela American Dental Education Association. Eles descobriram que o número de “primeira vez”, primeiro-anistas registrados aumentou de 4.947 em 2010 para 5.892 em 2014.

No que se refere às diferenças entre os sexos, a crítica revelou que o número de homens e mulheres inscritos na faculdade de odontologia continuou a estreitar devido a um declínio no número de homens e um aumento no número de mulheres inscritas. Em 2000, quase 60% (2.516) dos candidatos inscritos eram do sexo masculino e menos de 40% (1.656) do sexo feminino. Em comparação em 2014, a percentagem de estudantes do sexo masculino diminuiu cerca de 51% (3.035), enquanto que a percentagem de estudantes do sexo feminino inscritos aumentou para cerca de 48% (2.818). (As percentagens não somam 100 devido ao sexo não ser relatado em alguns casos por várias razões.)

Olhando para as variações entre grupos étnicos, os pesquisadores descobriram que a maioria dos inscritos e matriculados eram brancos (3.166; 54%), seguidos por estudantes asiáticos (1.376; 23%) e hispânicos ou descendentes de latinos (500; 9%).

Tal como nos anos anteriores, o New York University College of Dentistry (4,581), Boston University Henry M. Goldman Scholl of Dental Medicine (4,118) e Tufts University Scholl of Dental Medicine (3,662) tiveram a maioria dos candidatos.

O relatório, intitulado "E.U.A., inscritos e matriculados em faculdades de odontologia, classificados para 2014", foi publicado na edição de novembro do Journal of Dental Education.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

advertisement
advertisement