Dental Tribune Brazil

Estudo compara a capacidade de penetração de selantes na dentina e métodos de obturação

KIRIKKALE, Turquia: Sabe-se que alguns microorganismos podem penetrar nos túbulos dentinários e às vezes até sobreviver a soluções de irrigação eficazes. Nesse estágio, o uso de um selante endodôntico penetrável é extremamente importante para o sepultamento de microorganismos dentro dos túbulos para atingir a atividade antimicrobiana. Uma equipe de pesquisa da Universidade Kirikkale investigou a profundidade de penetração de quatro selantes usando diferentes métodos de obturação para determinar qual é o mais eficaz.

Para o estudo in vitro, 84 dentes unirradiculares foram instrumentados com a lima rotativa F4 ProTaper Universal e preenchidos com AH26 e AH Plus (Dentsply DeTrey), RealSeal (SybronEndo) e MTA Fillapex (Angelus) usando condensação lateral fria e técnicas simples de obturação de cone. Em seguida, as raízes foram seccionadas longitudinalmente e preparadas para avaliação em microscópio eletrônico de varredura da profundidade máxima e mínima de penetração dos selantes nos túbulos dentinários nos terços apical, médio e cervical, e calculada a profundidade média de penetração do selante.

Os resultados mostram que não houve diferença estatística entre os métodos de obturação. Porém, entre os selantes, o AH26 foi significativamente afetado pelos diferentes métodos de obturação. Além disso, os resultados revelaram uma diferença significativa entre os terços da raiz. Os selantes AH26 e RealSeal apresentaram os maiores valores de penetração nas técnicas de condensação lateral a frio e obturação de cone único, respectivamente. O método de obturação não afetou a extensão de penetração dos selantes. O RealSeal demonstrou melhor capacidade de penetração do que os outros selantes. O terço apical da raiz em todos os grupos apresentou a menor profundidade de penetração.

Em uma entrevista com o Dental Tribune International, o coautor, Dr. Ali Turkyilmaz, disse: “Os resultados do nosso estudo foram geralmente semelhantes aos relatados na literatura e apoiam fortemente os de estudos anteriores. Enfatizamos a capacidade de penetração profunda do selante RealSeal mais uma vez. Outro resultado é que o selante de canal radicular de nova geração (MTA Fillapex) obteve um resultado favorável em termos de penetração”.

Turkyilmaz continuou dizendo que este estudo fornece uma base para pesquisas futuras, a fim de investigar em que medida a penetração do MTA Fillapex e/ou RealSeal atinge as bactérias localizadas nos túbulos dentinários. Isso poderia envolver escaneamento confocal ou uma técnica semelhante e poderia levar a encontrar a melhor técnica de obturação para maior penetração desses selantes.

O estudo, intitulado “Comparison of dentin penetration ability of different root canal sealers used with different obturation methods”, foi publicado em 31 de julho de 2020 na Microscopy Research and Technique.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Latest Issues
E-paper

DT Brazil No. 3, 2015

Open PDF Open E-paper All E-papers

© 2020 - All rights reserved - Dental Tribune International