Austrália prestes a alterar regulamentos restritivos de propriedade de CBCT para dentistas

Search Dental Tribune

Austrália prestes a alterar regulamentos restritivos de propriedade de CBCT para dentistas

E-Newsletter

The latest news in dentistry free of charge.

  • This field is for validation purposes and should be left unchanged.
Na Austrália Ocidental, está pendente de desembaraço a legislação relativa à propriedade e utilização de dispositivos de CBCT esperada para impulsionar o uso da tecnologia entre os dentistas no estado. (Fotografia: Robert Kneschke/Shutterstock)

qua. 27 dezembro 2017

save

PERTH, Austrália: Imagens de CBCT estão mudando a forma que os dentistas podem visualizar o complexo oral e maxilo facial, bem como os dentes e o tecido circundante. Apesar de ser considerada como positiva para os profissionais e pacientes, devido a uma política de licenciamento restritiva, a tecnologia está disponível somente para uma minoria de dentistas, no Oeste da Austrália. No entanto, está definido para este quadro regulamentar se alterado, de acordo com o Australian Dental Industry Association (ADIA).

Apesar de cada estado e território ter uma diferente abordagem regulamentar para possuir equipamento de CBCT, em termos de resultados, verifica-se um amplo alinhamento em todos eles, com exceção da Austrália Ocidental.

"A ADIA dá as boas vindas a notícia de que o Conselho da Austrália Ocidental prepara-se para eliminar as restrições à propriedade de CBCT no estado", disse o CEO da ADIA Troy Williams. Possuir e operar equipamentos de CBCT no oeste da Austrália atualmente é limitado aos dentistas cadastrados no Australian Health Practitioner Regulation Agency (AHPRA) na especialidade de radiologia dento-maxilofacial – um critério que só poucos dentistas cumprem. Em uma audiência no Senado em 9 de novembro, o ADIA CEO apontou que, das cerca de 1.780 cirurgiões-dentistas registrados no estado, quase nenhum satisfizeram o requisito de possuir e operar equipamentos de CBCT.

Uma vez em vigor, as alterações regulamentares irão permitir aos dentistas registrados da AHPRA que tenham concluído com êxito um curso reconhecido de CBCT para serem elegíveis a uma licença para possuir e operar equipamentos de CBCT. De acordo com a liberação da ADIA, o cursos requisitados são oferecidos pelas faculdades de odontologia da University of Queensland e da University of Adelaide e por um investidor privado.

"Este resultado é inteiramente consistente com o que ADIA defendeu ao longo de muitos anos. Faz, na verdade, cinco anos, este mês que a ADIA se reuniu com o então Ministro da Saúde para avançar com esta reforma e, naturalmente, nós tínhamos discutido isso no passado com o atual Ministro, Roger Cook", comentou Williams.

Ainda não foi anunciado quando a nova legislação será posta em vigor.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

advertisement