DT News - Brazil - Pesquisadores analisam DNA para estudo de cárie

Search Dental Tribune

Pesquisadores analisam DNA para estudo de cárie

O sequenciador de genoma permite aos investigadores determinar sequências de todo o genoma e medir a atividade de todos os distúrbios metabólicos e vias bioquímicas dentro do genoma. (Captura de tela: Universidade de Clemson)
Dental Tribune International

Dental Tribune International

seg. 23 janeiro 2017

guardar

CLEMSON, S.C., EUA: Pesquisadores americanos começaram estudo de cinco anos para determinar como bactérias associadas à cárie dentária interagem uma com a outra à medida que a doença progride. Para sua pesquisa, visando encontrar probióticos compatíveis para endereçamento das cáries, os cientistas estão usando um sequenciador de genoma, que lhes permite extrair DNA de organismos vivos e conduzir uma abrangente análise genética.

De acordo com o National Institutes of Health (NIH), que está financiando o estudo, a cárie é a doença crônica de maior prevalência em crianças e adultos e é evitável. Juntamente com pesquisadores da Universidade da Flórida, Dr. Vicent Richards, um professor assistente do Departamento de Ciências Biológicas da Universidade de Clemson, está atualmente investigando as bactérias que podem ajudar a promover a saúde oral.

“Temos conhecido por enquanto muito dos micro-organismos associados com cáries", disse Richards. "Durante este estudo, estaremos fazendo a pesquisa genética para determinar quais bactérias podem contribuir para a luta contra a cárie”.

Dos muitos microrganismos vivos dentro da boca, algumas são bactérias benéficas – probióticos – e algumas têm um efeito adverso sobre a saúde humana. A composição bacteriana oral muda como a cárie progride, exacerbando a doença. "O que pretendemos fazer é utilizar sequenciamento de DNA e RNA para melhor compreender como estas boas e más bactérias diferem em genética, ou mais precisamente, nível genômico", explicou Richards.

O grupo está usando um sequenciador de genoma, a primeira tecnologia de seu tipo no campus de Clemson e "a próxima geração de sequenciamento", segundo Richards. Este instrumento permite aos investigadores determinar sequências de todo o genoma e medir a atividade de todos os distúrbios metabólicos e vias bioquímicas dentro do genoma.

Sequenciamento de genomas envolve extrair DNA de organismos vivos e a realização de uma detalhada análise genética. Dados do sequenciador são transferidos para computadores poderosos para serem lidos e analisados. Informações fornecidas pelo sequenciador podem ser valiosas em muitos casos.

“Informação genômica pode ajudar a identificar mutações e genes associados a patógenos virulentos, medir a atividade genética desses fatores, perfil de comunidades microbianas, bem como doenças rastreadas”, disse Richards. “Por determinar como as boas e as más bactérias sobre os dentes interagem, podemos desenvolver novas estratégias para ajudar a evitar cáries”.

O estudo é um projeto de cinco anos financiado por uma subvenção de $ 628 828 NIH, dos quais Clemson receberá $237 554.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

advertisement
advertisement